Matrículas para escolas inclusivas estão abertas em Cabo Frio

Começou nesta terça-feira (2) o período de matrículas para duas escolas municipais inclusivas em Cabo Frio, na Região dos Lagos do Rio.

As escolas Arlete Rosa Castanho, no bairro Vila Nova, recebe estudantes surdos. A escola Professora Renato Azevedo, no bairro São Francisco, tem aulas para alunos com deficiências múltiplas e autismo.

A matrícula deve ser realizada de forma presencial às terças e quintas das 8h às 13h.

Neste período, a matrícula pode ser feita para novos alunos, incluindo aqueles que estão sendo transferidos para a rede municipal, respeitando as especificidades dessas escolas.

Para a realização da matrícula, pais, responsáveis ou alunos acima de 18 anos precisam apresentar os seguintes documentos:

  • Duas fotos 3×4;
  • Cópia da certidão de nascimento ou casamento (quando possuir);
  • Cópia do título de eleitor (quando maior de idade);
  • Cópia do comprovante de alistamento militar ou certificado de reservista (quando maior de 18 anos até 45 anos e do sexo masculino);
  • Histórico escolar ou protocolo de transferência para alunos dos ensinos Fundamental, Médio e Educação de Jovens e Adultos (EJA);
  • Atestado de escolaridade emitido pela unidade de origem de Educação Infantil (em casos em que os alunos tenham cursado etapa em período anterior);
  • Cópia da carteira de vacinação atualizada para alunos da Educação Infantil;
  • Cópia do comprovante de residência;
  • Cópia do cartão do SUS e do Programa Bolsa Família (quando possuir);
  • Cópia do laudo que comprove deficiência, transtorno global do desenvolvimento ou altas habilidades/superdotação (quando for o caso).

Efetivação das matrículas online

Além das matrículas presenciais nas escolas inclusivas, nesta terça-feira (2), começa o processo de efetivação das pré-matrículas realizadas na primeira fase entre 24 e 27 de fevereiro. A confirmação das matrículas dos candidatos inscritos nessa fase acontecerá nas escolas selecionadas pelos responsáveis nos dias 02, 04, 09 e 11 de março, das 8h às 13h.

“Enquanto existir vaga, haverá a possibilidade de se fazer matrícula para todas as escolas, tanto nas unidades inclusivas quanto nas regulares”, explicou a Superintendente Pedagógica da Secretaria Municipal de Educação, Eliana Corado.

Vale ressaltar que, para a validação da matrícula, será necessária a apresentação dos documentos previamente solicitados na Resolução nº 03 de 2021.

“É importante destacar que o candidato que não efetivar a matrícula na unidade escolar no período previsto no cronograma geral perderá o direito à vaga, que será disponibilizada para o procedimento de matrícula posterior”, explica Eliana Corado.

Fonte: g1.globo.com

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *