Câncer de Mama: vamos falar sobre isso?

Câncer de Mama: vamos falar sobre isso?

Durante todo ano, várias mulheres são diagnosticadas com câncer de mama, uma doença que se descoberta logo no início tem 90% de chance de cura. Porém, segundo o Instituto Nacional de Câncer (INCA) os números são alarmantes, todos os anos são mais de 57 mil novos casos e 13 mil mulheres morrem em consequência da doença.  
O mês de outubro se inicia e com ele mais uma edição da campanha Outubro Rosa, que visa alertar a sociedade sobre o diagnóstico precoce do Câncer de Mama. A mobilização ressalta a importância de olhar com atenção para a saúde, além de lutar por direitos como atendimento médico e o suporte emocional, garantindo um tratamento de qualidade.
O Projeto Moça Bonita em Cabo Frio, vem exercendo um papel muito importante na autoestima das mulheres diagnosticadas com a doença, emprestando gratuitamente toucas de gelo que evitam a queda de cabelo durante a quimioterapia e perucas para as mulheres que perderam o cabelo durante o tratamento.  
O Projeto nasceu no coração de Luisa Maria, após ter sido diagnosticada com câncer de mama. Luisa percebeu a necessidade de melhorar a autoestima das mulheres vítimas de câncer que perdem o cabelo durante a quimioterapia. O projeto recebe doações de cabelo e a cada 1kg arrecadado troca por duas perucas através de uma parceria com a perucaria Di Milesi Hair.
Moça Bonita está sediado na rua independência número 105 no bairro São Cristóvão em Cabo Frio, atendendo mulheres em todo território nacional, levando ajuda a quem precisa, sem nenhuma burocracia. Hoje também oferece a prótese de alpiste, auxílio com psicólogos e advogados, apoio espiritual para quem desejar e também oferece o creme tegum, um produto que evita que as mulheres se queimem durante o tratamento da radioterapia.  
A luta contra o câncer de mama e a conscientização do diagnostico precoce não pode ser apenas no mês de outubro, mas sim durante todo o ano. Prevenir é um ato de amor com você, com seu corpo e com todos que te amam. Consulte seu médico e faça seus exames regularmente.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *